aqui no aqui tem coisa encontram-se
coisas, coisas, coisas...
...desde janeiro de 2003

Posts tagueados ‘rio de janeiro’

afroreggae

afro1
Esta menina, cujo nome não gravei, deu um depoimento impressionante de perseverança e sucesso, já viajou com o grupo AfroReggae para inúmeros países, dança maravilhosamente, é um exemplo para a comunidade.
As pessoas que moram em Vigário Geral, fazem questão de dizer que moram na favela, e lutam para afastar o preconceito de que são favelados.

afro2
Membros dos diversos grupos do AfroReggae, de teatro, percussão, dança, conversam com nosso grupo (ao fundo, no espelho) em sua sede provisória.

é isso, por fernando stickel [ 11:03 ]

pappalardo no mnba

papp2
Exposição do fotógrafo Arnaldo Pappalardo “Tensão sobre a Calma” no MNBA no centro do Rio de Janeiro. A Fundação Stickel apoiou a iniciativa neste Projeto Contrapartida, e em retribuição o Arnaldo fará uma oficina de fotografia com as nossas “Mulheres de Talento”.

papp3
Terezinha, minha colega da 5ª Turma do MBA FIA CEATS em Gestão e Empreendedorismo Social, visita a exposição.

papp4
A montagem em uma única e imensa sala ficou excelente.
A coleção permanente do museu, no entanto, não está bem exposta. É aquele tipo de museu grande e cansativo, à moda antiga. Está precisando de uma reciclada.

é isso, por fernando stickel [ 18:23 ]

albamar

albamar
Consegui fotografar mal e porcamente de dentro da van em movimento este simpático prédio verde em forma de torre, que fica ao lado do aeroporto Santos Dumont no Rio de Janeiro.
O prédio abriga o restaurante Albamar, cujo salão principal no segundo andar, com janelas em quase toda a sua volta propicia uma visão daqueles antigos posters cujo título poderia ser “Os Transportes”.
Saboreando um belo arroz de polvo e olhando para fora você verá:
– Aviões e helicópteros no Santos Dumont ali do lado.
– Navios, lanchas e submarinos no Arsenal da Marinha logo em frente.
– Veleiros, circulando pela Baía da Guanabara
– Veículos motorizados de todos os tipos na Ponte Rio Niterói.
– Barcaças e Hovercrafts na travessia para Niterói.
De sobremesa, a “Coupe Camargo”, que nada mais é que abacate batido com sorvete de creme, uma delícia!

é isso, por fernando stickel [ 9:09 ]

pensão da chupetinha

chupetinha
Esta é a Chupetinha, dona da “Pensão da Chupetinha“, restaurante de comida caseira em Vigário Geral.
Come-se muito bem, uma variedade incrível de pratos, e a figura tem um bom humor contagiante.

chupetinha2
A 5ª Turma do MBA FIA CEATS em Gestão e Empreendedorismo Social almoçando na Chupetinha.

é isso, por fernando stickel [ 11:01 ]

papagaio do vigário

louro
Encontrei este papagaio sentado tranquilamente no portão de uma casa em Vigário Geral, ele não ligou a mínima para o bando de pessoas que passou na frente dele a caminho da Pensão da Chupetinha. Na volta do almoço ele continuava lá, impassível!

é isso, por fernando stickel [ 10:50 ]

vigario geral

vigario2
Em Vigário Geral.

O trabalho do Afroreggae em resumo se destina a quebrar a rotina que faz com que crianças se iniciem no trabalho com o tráfico de drogas.
Como os traficantes acenam dia e noite com as vantagens do dinheiro, e as famílias normalmente desestruturadas, estigmatizadas por morar na favela e sem instrução tem dificuldade de arranjar emprego, o apelo do tráfico é real e concreto.
A fila para trabalhar com os traficantes é imensa. Os meninos se iniciam como olheiros ou “vapor”, e as meninas como “lanchinho”.
O traficante gosta de transar com meninas de 12-13-14 anos, são os lanchinhos, que ele troca a cada dois ou três dias, com 18 anos estas meninas não tem outra saída a não ser a prostituição.

é isso, por fernando stickel [ 12:58 ]

fundação oswaldo cruz

fiocruz
Da Linha Vermelha se vê também, sobressaindo sobre as favelas, o prédio em estilo mourisco da Fundação Oswaldo Cruz, que fica às margens da Av. Brasil.

é isso, por fernando stickel [ 17:50 ]

piscinão de ramos

piscinao
No caminho para Vigario Geral pela Linha Vermelha passamos pelo Piscinão de Ramos, delimitado pela faixa de areia branca, ao fundo a igreja da Penha.

é isso, por fernando stickel [ 17:39 ]

sede nova afroreggae

navio
Tal qual um navio, a nova sede do AfroReggae se sobressai no entorno.
Com 1.400m2 de área construida, demorou dez anos para se tornar realidade e vai abrigar salas de ensaio, área administrativa, lan-house 24 horas, etc…

é isso, por fernando stickel [ 10:24 ]

afroreggae

vigario
Nossa visita ao AfroReggae na comunidade de Vigario Geral se iniciou novamente com recomendações expressas de não fotografarmos até estarmos dentro da comunidade.
Nossa visita é combinada com os chefões do tráfico, que em uma concessão civilizada somem com as armas durante a chegada do grupo, seus soldados ficam por ali, discretamente encostados nas esquinas.
Assim que viramos a esquina eles voltam a portar os fuzis automáticos e guardam a entrada, cujo acesso se dá pela passarela por cima da linha do trem.
Qualquer pessoa estranha à comunidade que se aventurar a entrar será abordada pelos traficantes e submetida a um interrogatório, se for um fornecedor ou cliente de algum morador, precisa combinar antes e avisar da chegada.
Estamos em um outro país.
Logo na chegada somos recepcionados por quatro diferentes grupos de percussão, Afro Lata, Afro Mangue, Afro Samba e Bloco AfroReggae, todos com uma energia incrível, contagiante!

é isso, por fernando stickel [ 9:57 ]

restaurante lucas

lucas2
Nosso grupo jantou em um restaurante no qual me lembro de ter ido quando criança, o Lucas em Copacabana, Posto 6 que lá existia desde 1941!
Era um clássico da comida alemã, chopp e tira-gostos. Agora se transformou em algo chamado “Garota de Copacabana”, comida anódina, porções gigantescas e preços idem.
Tudo que é bom neste país acaba se desvirtuando ou sumindo, não entendi ainda porque.

é isso, por fernando stickel [ 9:40 ]

coopa roca

rocinha
Entrar em uma favela como a Rocinha é uma experiência que todo o brasileiro que mora “bem” deveria ter.
É óbvio que o conceito de “morar bem” é flexível, mas qualquer morador das grandes metrópoles que possa chegar e entrar em casa livremente, com um mínimo de privacidade e higiene já estará incluido nesta categoria.
A nossa visita à COOPA-ROCA, Cooperativa de Trabalho Artesanal e de Costura da Rocinha Ltda. foi precedida de alertas proibindo o uso das máquinas fotográficas, deveríamos andar em fila indiana, sem parar, até chegar às instalações da cooperativa.
As vans que nos transportaram estacionaram em uma pequena área livre, descemos, atravessamos a rua e entramos em uma daquelas vielas que só se vê nos filmes ou reportagens da TV.
Não tive medo, longe disso, mas você sabe que é um estranho no ninho. Duas senhoras comentaram ao passarmos:
-O que esse monte de turistas está fazendo aqui na favela?!
A vista da sede da cooperativa é de tirar o fôlego, principalmente pelo tamanho da Rocinha.

tete
Maria Teresa Leal, a Tetê, criadora do Coopa Roca em 1981 explica ao nosso grupo como funciona a cooperativa.
Os trabalhos de bordado e crochê executados pelas cooperadas são lindíssimos, a Coopa Roca mantém parcerias com grifes conhecidas como Osklen e Carlos Miele, desenvolvendo e produzindo peças sofisticadas.

é isso, por fernando stickel [ 11:24 ]

instalação az

az
Nesta esquina de uma das alamedas de acesso ao Parque Lage iniciava-se a minha Instalação AZ, com a qual participei da exposição “Como Vai Você Geração 80?” no Parque Lage em 1984.

lage
A localização do Parque Lage na Rua Jardim Botânico é única, enfiada na floresta, tem o Cristo Redentor logo ali em cima, é maravilhoso!

é isso, por fernando stickel [ 10:31 ]

saúde renascer

renascer
A sociedade civil organizada trabalha silenciosamente, preenchendo gigantescas lacunas do poder público. Associações e Fundações sérias se dedicam às mais variadas causas, fazendo REALMENTE a diferença.
Visitando “in-loco” algumas destas organizações e conhecendo seus idealizadores você sente de perto seu poder transformador, é o que fizemos na última sexta-feira na Associação Saúde Criança Renascer, cuja sede administrativa está instalada no idílico Parque Lage, bairro do Jardim Botânico no Rio de Janeiro.

Diz a Dra. Vera Cordeiro, fundadora do Renascer em 1991:
“Temos a consciência de que não temos condições de resolver todos os problemas da Saúde Pública no Brasil. Mas é um começo, uma iniciativa possível e ao nosso alcance.”

O constante ciclo internação-reinternação das crianças atendidas no Hospital da Lagoa, no Rio de Janeiro – que recebiam alta sem estrutura básica para continuação do tratamento em casa – causava indignação dos profissionais da área de Saúde daquela instituição. O fato dos pacientes retornarem muitas vezes em estado ainda mais grave, chegando em alguns casos a falecer, fez com que médicos, enfermeiros e membros da sociedade civil se mobilizassem e criassem a associação.?

vera
Dra. Vera explica ao nosso grupo seu método de trabalho.

grupo
A 5ª Turma do MBA FIA CEATS em Gestão e Empreendedorismo Social, com o grupo quase completo, na entrada do Parque Lage.

é isso, por fernando stickel [ 10:00 ]

visita técnica

bandeira
Amanhã e sábado a 5ª Turma do MBA FIA CEATS em Gestão e Empreendedorismo Social fará visitas técnicas no Rio de Janeiro.
Conheceremos a Associação Saúde Criança Renascer, o Restaurante Fellini, a Coopa-Roca, o Grupo Cultural AfroReggae e o restaurante Dona Chupetinha.
Na tarde de sábado iremos à exposição “tensão sobre a Calma” do fotógrafo Arnaldo Pappalardo no Museu Nacional de Belas Artes na Cinelândia, instalada com o apoio da Fundação Stickel.

é isso, por fernando stickel [ 11:54 ]

confeitaria colombo

colo1
A Confeitaria Colombo, no centro do Rio de Janeiro, deslumbrante com seu pé direito de sete metros e espelhos impecáveis de cinco metros de altura!

é isso, por fernando stickel [ 9:13 ]

confeitaria colombo

colombo
A Confeitaria Colombo, fundada em 1894, no Centro do Rio de Janeiro, continua lá, impecávelmente conservada. A festa do casamento da Raquel e Alexandre foi lá.

colo

é isso, por fernando stickel [ 12:29 ]

rio de janeiro


O Rio de Janeiro (Zona Sul) é uma cidade com uma mágica indescritível. Basta estar lá e olhar para o mar que a mágica se realiza.
De dia, de noite, tem sempre gente na rua, tem sempre a natureza, é apaixonante!


O Hotel Fasano tem uma localização e um charme únicos!

é isso, por fernando stickel [ 9:32 ]