aqui no aqui tem coisa encontram-se
coisas, coisas, coisas...
...desde janeiro de 2003

Posts tagueados ‘arthur stickel’

o tempo passa

esp1
Me impressiona muito a passagem do tempo.

O tempo passa e as coisas mudam, rápidamente.
Em Agosto 2004, cinco anos atrás, a Fundação Stickel se movimentava lentamente para sair de um sono letárgico de 30 anos, por pouco não desisti da empreitada, tal a quantidade de problemas enfrentados.

Em Agosto 2005, há quatro anos atrás, iniciava-se a reforma do Espaço Fundação Stickel, na R. Ribeirão Claro, Vila Olímpia, obra da arquiteta Sandra Pierzchalski, que foi inaugurado em Outubro com a exposição do Baravelli.
Utilizado intensamente até Dezembro 2006, abrigou nove exposições.

shalom
O imóvel da R. Ribeirão Claro 37 foi demolido e hoje recebe a construção da nova sede da Comunidade Shalom.
shalom2

Vencedores de um concurso de arquitetura promovido pela Shalom, o projeto será de Marcelo Ferraz e Francisco Fanucci, da Brasil Arquitetura.
Eu fico particularmente feliz com o desfecho do uso de um imóvel que foi minha casa/estúdio por 20 anos, na qual nasceu meu filho Arthur, escrevi meu livro aqui tem coisa e plantei várias árvores, no terreno e na calçada.

é isso, por fernando stickel [ 17:59 ]

ideogramas

ideo
Na mesa do restaurante com toalha branca e iluminação fraca, palitos, algumas manchas de molho, a câmera do iPhone, e a sugestão para o Arthur:
– Faça uns ideogramas…

é isso, por fernando stickel [ 16:45 ]

domingueira

domingo
Meus filhos Fernanda, Arthur e Antonio e a minha nora Maria.

Depois de meses de espera finalmente a Vivo houve por bem me entregar meu novo IPhone, com o qual estou me acostumando. As fotos são excelentes, com uma lente não maior que uma cabeça de fósforo!

é isso, por fernando stickel [ 15:04 ]

outono paulistano

passeio1
Tarde paulistana de outono, depois do almoço passear com o Arthur e sua labradora Sofia Loren, e minha mãe.

cima
Olhar para cima…

esquina
Na esquina a reforma de uma casa com uma arquitetura, digamos assim, esquisita. Não vou dizer quem é o arquiteto, depois vão dizer que é perseguição…
Mas é necessário deixar claro, mínimamente, que um caixilho convencional ortogonal, coberto por uma curva de alvenaria é uma solução de quinta. O autor, evidentemente desconhece a história, e provávelmente Rudolf Steiner e o Goetheanum.

portao4
Um portão.

tarde13
Final da tarde, a lua cheia é amanhã.

é isso, por fernando stickel [ 17:54 ]

arthur no baú

bauzinho
Arthur meu filho na ponta da Pedra do Baú, logo atrás se vê o pico do Bauzinho.
Hoje, quase uma semana depois da escalada é que as minhas pernas se recuperaram do esforço

é isso, por fernando stickel [ 10:29 ]

pedra do baú

bau1
Arthur, lépido na escalada e eu, recuperando o fôlego, na volta.

Senti o peso dos meus sessenta anos, pelo menos em comparação com o desempenho atlético do meu filho Arthur, de 14…
Foi assim, viajamos para Campos do Jordão com o objetivo de escalar a Pedra do Baú, altitude de 1950m., o que fizemos ontem logo cedo.
A caminhada do estacionamento até a base da escada, por uma estreita e úmida trilha no meio do mato leva cerca de meia hora, e é bastante exigente, escorregadia, com descidas e subidas acentuadas.
A escalada leva outra meia hora, suei muito, mas cheguei em cima sem nenhum problema, o Arthur mal suou…
Na descida a coisa começou a pegar, ao final minhas pernas tremiam, e colocar os pés em estreitos e úmidos degraus de pedra gerava, digamos assim, medo.
A exaustão pegou mesmo na volta pela trilha, aí faltou gás para vencer as íngremes subidas, era preciso parar, respirar várias vezes e então prosseguir.
Ainda assim completamos a volta mais ou menos no mesmo tempo da ida.
Hoje, no entanto, evidenciou-se o estrago, estou COMPLETAMENTE MOÍDO!!!!
Pernas, coxas, lombo, braços, tudo doído, e o Arthur, perfeito!

é isso, por fernando stickel [ 10:43 ]

três crianças

tres1
Minhas três “crianças”, Arthur, Antonio e Fernanda.

é isso, por fernando stickel [ 14:37 ]

arthur em 2003

art21
Uma das coisas mais interessantes para um pai é acompanhar a rapidíssima evolução de um filho adolescente.
O recurso “Faces” me ajuda a ver o Arthur em suas diferentes fases, esta foto é de Agosto 2003, com 8 anos.
Veja aqui o Arthur no mês passado, com 14 anos.

é isso, por fernando stickel [ 11:49 ]

arthur e andy

andy
Arthur e Andy Warhol no MoMA.

é isso, por fernando stickel [ 12:00 ]

wellington

wellington
Me hospedei no Wellington Hotel em 1970, e agora na viagem com o Arthur fomos várias vezes tomar café da manhã no Park Café, na esquina do Wellington.
É impressionante como certas coisas não mudam, apesar das décadas…

é isso, por fernando stickel [ 16:24 ]

tkts

times1
Arthur em New York, Times Square, na nova escada do TKTS: Faster than a Porsche Boxter…

é isso, por fernando stickel [ 13:52 ]

aldo & bowery

aldo-casa
Meu amigo Aldo Sampieri, brasileiro, designer gráfico e artista plástico, mora há muitos anos em New York, na Broadway altura da 8 St.

aldo-auto
Autoretrato do Aldo, óleo s/ tela.

aldo-bow
Andando pela Bowery, Lower East Side, Aldo vai contando causos novaiorquinos para o Arthur.

aldo-cafe
Vitrine na Bowery.

é isso, por fernando stickel [ 16:57 ]

times square


Menos quinze graus ao chegar ao JFK Airport.
Assim começou uma semana de imersão na civilização, apresentando New York ao meu filho.
Deixar as coisas no hotel e sair correndo (de taxi) ao Bloomingdale’s para comprar gorro, luva e cachecol, indispensáveis para andar na rua.
Um dos primeiros “landmarks” que o Arthur adorou foi Times Square, voltamos inúmeras vezes.

é isso, por fernando stickel [ 12:22 ]

arthur vai a nyc

Meu pai me levou para New York quando eu tinha 13 anos, e a experiência foi marcante.
Agora farei o mesmo com o meu filho Arthur, que completará 14 anos no dia 17, um dia depois de lá chegarmos.
Volto dia 25. Té já!

é isso, por fernando stickel [ 15:20 ]

corte na penha


Cerca de dez anos atrás, nesta mesma cadeira, neste mesmo gramado, na casa dos meus amigos Sanny e Theo na Praia da Penha, em Santa Catarina, a Sanny cortou meus longos cabelos e me transformou em um ser de cabelos curtos.
Agora, quem passa pela mesma operação é o meu filho Arthur, que aceitou o simpático convite do casal e lá passou o Reveillon.

Entre outras coisas, o Arthur aprendeu a fazer um bom churrasco gaucho!

é isso, por fernando stickel [ 15:15 ]

bmw f 800 gs


Meus filhos Antonio e Arthur vieram me visitar no escritório (continuo a limpar a caixa de e-mails, faltam 250…) a bordo do presente de 60 anos que ganhei da minha espetacular mulher Sandra.
O Antonio tem mais prática com motos do que eu, já se adaptou e achou esta jóia da engenharia motociclística, a BMW F 800 GS, simplesmente o máximo!
Eu, ainda inseguro, estou andando pouco e com extremo cuidado, é preciso se adaptar, a motocicleta é alta e pesada, não é brincadeira!

é isso, por fernando stickel [ 16:54 ]

a roda


O elenco da peça “A Roda” da qual o meu filho Arthur faz parte, ovacionado ao final do espetáculo!

é isso, por fernando stickel [ 17:54 ]

arthur no teatro


Meu filho Arthur atuando na apresentação de sua turma na aula de teatro na peça “A Roda”, e na saída da coxia, feliz da vida com o sucesso!
É o primeiro ano do Arthur na escola Casa do Teatro, fundada em 1983, pela atriz Lígia Cortez.

é isso, por fernando stickel [ 10:14 ]