aqui no aqui tem coisa encontram-se
coisas, coisas, coisas...
...desde janeiro de 2003

Arquivo: abril de 2005

batizado do arthur


Meu filho Arthur foi batizado hoje de manhã pelo simpático padre Dagoberto, numa cerimônia simples na Paróquia Nossa Senhora da Esperança.
No próximo sábado será realizada a Primeira Comunhão, juntamente com vários colegas do curso de religião que fizeram na escola.

é isso, por fernando stickel [ 12:28 ]

octopus


Lançado ao mar em 2003, o “Octopus” é o maior “iate” do mundo, com 127m de comprimento. Leva em seu bojo dois helicópteros, um submarino e várias lanchas.
Seu proprietário, sócio do Bill Gates, é o igualmente bilionário Paul Allen, que pergunta em seu site:

What should exist?

Bonitinho, né… Mantê-lo custa apenas U$ 20 milhões ao ano.

é isso, por fernando stickel [ 14:04 ]

sandálias chinesas

Um casal de Portugal está de férias em Macau.
Passeando pela zona do mercado a ver as coisas que por lá se vendem, passam por uma pequena loja de calçados, mais exatamente de sandálias. Ouvem uma voz lá de dentro com um linguajar meio chinês a dizer:
– Vocês, estlangeilos! Entlem, entlem na minha humilde loja!
O casal entra na loja e o chinês diz-lhes:
– Tenho aqui umas sandálias especiais que penso que estalão intelessados. Elas faz ficarl selvagem no sexo que nem um glande camelo do deselto, quem as calçar.
A esposa, mostra-se curiosa e interessada. O marido sente que não precisa nada delas, mas por descarga de consciência pergunta ao chinês:
– Como é que estas sandálias nos tornam muito mais ativos sexualmente?
O Chinês explica:
– ……é só explimentalr…
O marido depois de discutir um pouco com a mulher, cede e displicentemente experimenta-as. Imediatamente ganha um olhar selvagem, algo que a mulher não via há muitos anos. Era o poder sexual nu e cru!!
Num piscar de olhos, o marido corre para o chinês, atira-o para cima da mesa rasga-lhe as calças e… o chinês começa a berrar:
– … Calçou ao contlálio!!!… Calçou ao contlálio!!!… Calçou ao contlááááááliio…

é isso, por fernando stickel [ 12:59 ]

antonio meneses


Foto: Marco Borggreve

Há um ano atrás tive um reencontro com a música clássica assistindo ao vivo o fabuloso pianista Nelson Freire.
Agora novo capítulo do reencontro com o mestre Antonio Meneses, tocando violoncelo solo, Suites de Bach no Cultura Artística. Não é um programa fácil para quem, como eu, estava completamente afastado dos clássicos. Mas foi bom, inclusive pela surpresa com a excelente peça do compositor brasileiro Marco Padilha – Invocatio Op. 21 nº 1 – Peça de Introdução à Suíte nº 6 de J. S. Bach.

é isso, por fernando stickel [ 12:34 ]

cinema

Nestes feriados vimos “Blow Up” de Antonioni, “E Deus criou a mulher” de Roger Vadim, “Supersize Me”, “O iluminado” de Stanley Kubrick.
De longe o pior foi Supersize Me. Quanto ao melhor, difícil de dizer.
Brigitte Bardot aos 22 anos de idade, atrevida, linda, compete em pé de igualdade com o fantástico e maduro Jack Nicholson de The Shining ou David Hemmings, perfeito em Blow Up.

é isso, por fernando stickel [ 9:29 ]

umbigo do mundo


TEPITO O TE HENÚA

Sim, nós estivemos no umbigo do mundo. A tradição Rapa Nui diz que esta pedra redonda, que apresenta curiosas características magnéticas, é o umbigo do mundo.

é isso, por fernando stickel [ 11:20 ]

+ 1 do joãozinho

Durante a aula de boas maneiras, diz a professora:  
– Zézinho, se você estivesse namorando uma moça fina e educada e, durante o jantar, precisasse ir ao banheiro, o que diria?  
– Segura as pontas aí que eu vou dar uma mijadinha.  
– Isso seria uma grosseria, uma completa falta de educação. Juquinha, como você diria?  
– Me desculpa, preciso ir ao banheiro, mas já volto.  
– Melhor, mas é desagradável mencionar o banheiro durante as refeições.
– E você, Joãozinho, seria capaz de usar sua inteligência para, ao menos uma vez, mostrar boas maneiras?  
– Eu diria “Minha prezada senhorita, peço licença para ausentar-me por um momento, pois vou estender a mão a um grande amigo que pretendo lhe apresentar logo depois do jantar”.

é isso, por fernando stickel [ 17:24 ]

especialista

O português foi ao clínico geral, com o saco inchado. O médico disse que era uma inflamação no testículo esquerdo, nada grave etc.etc., mas recomendou a procura de um especialista que iria indicar.
Quando ia lhe dar o cartão de um colega urologista, enganou-se e deu o cartão de um advogado.
O português marcou hora e estava lá diante do advogado, achando que era o urologista:
– Em que posso ajudar?
O portuga abaixou as calças e mostrou:
– Como o senhor está a ver doutor, estou com uma inflamação no testículo esquerdo.
O advogado ficou olhando a cena, sem entender absolutamente nada, e disse:
– Meu amigo, a minha especialidade é o Direito.
E o portuga:
– Porra, vai ser ESPECIALISTA assim na puta que pariu!!!

é isso, por fernando stickel [ 13:38 ]

necrofilia

Um homem foi trazido perante o juiz e acusado de necrofilia, por ter feito sexo com o cadáver de uma mulher.
Disse-lhe o juiz:
– Em 20 anos de magistratura, nunca ouvi uma coisa tão nojenta e imoral. Dê-me uma única razão para eu não pô-lo na cadeia e jogar fora a chave!
O homem respondeu:
– Meritíssimo,vou lhe dar não uma, mas TRÊS boas razões:
1º) Não é da sua conta,
2º) Ela era minha esposa; e…
3º) Eu NÃO SABIA que ela estava morta… ela SEMPRE agia assim!!!

FOI ABSOLVIDO NA HORA!!!

é isso, por fernando stickel [ 12:20 ]

jantar ao ar livre


… e para encerrar o assunto viagem, um jantar ao entardecer, na mais autêntica tradição Rapa Nui, ao ar livre. A simpaticíssima equipe do Explora Ilha de Páscoa nos preparou esta deliciosa surpresa no último dia da viagem.

é isso, por fernando stickel [ 10:11 ]

marca antonio


Meu filho Antonio Stickel desenvolve a marca para sua produtora de cinema e vídeo. A autora do logotipo é a mãe dele, Iris Di Ciommo. Vocês gostam?

Eu gosto.

é isso, por fernando stickel [ 19:10 ]

rano kau


A cratera do Rano Kau, a maior da Ilha de Páscoa.

é isso, por fernando stickel [ 8:50 ]

boas lições

Algumas boas lições…

Lição Nº 1

Um homem está entrando no chuveiro enquanto sua mulher acaba de sair dele e está se enxugando. A campainha da porta toca. Depois de alguns segundos de discussão para ver quem iria atender a porta a mulher desiste, se enrola na toalha e desce as escadas. Quando ela abre a porta, vê o vizinho Bob em pé na soleira. Antes que ela possa dizer qualquer coisa, Bob diz:
“Eu lhe dou 800 dólares se você deixar cair essa toalha.”
Depois de pensar por alguns segundos, a mulher deixa a toalha cair e fica nua. Bob então entrega a ela os 800 dólares prometidos e vai embora.
Confusa, mas excitada com sua sorte, a mulher se enrola de novo na toalha e volta para o quarto. Quando ela entra no quarto, o marido grita do chuveiro:
“Quem era?” “Era o Bob, o vizinho da casa ao lado.” – diz ela.
“Ótimo! ele lhe deu os 800 dólares que estava me devendo?”

Moral da história: Se você compartilha informações a tempo você pode prevenir exposições desnecessárias!

Lição Nº 2

Um padre está dirigindo por uma estrada quando vê uma freira em pé no acostamento. Ele para e oferece uma carona, que a freira aceita. Ela entra no carro, cruza as pernas revelando suas lindas pernas. O padre se descontrola e quase bate com o carro. Depois de conseguir controlar o carro e evitar o acidente, ele não resiste e coloca a mão na perna da freira. A freira olha para ele e diz:
“Padre, lembre-se do Salmo 129!”
O padre, sem graça, se desculpa, “desculpe-me Irmã, a carne é fraca” e tira a mão da perna da freira. Mais uma vez a freira diz:
“Padre, lembre-se do Salmo 129!”
Chegando ao convento a freira agradece e, com um sorriso enigmático, desce do carro se dirigindo para o convento. Assim que chega à igreja o padre corre para as Escrituras para ler o Salmo 129, que diz:
” Vá em frente, persista, mais acima você vai encontrar a Glória.”

Moral da História: Se você não está bem informado sobre o seu trabalho, você pode perder grandes oportunidades.

Lição Nº 3

Dois funcionários e o gerente de uma empresa saem para almoçar e na rua encontram uma antiga lâmpada a óleo. Eles esfregam a lâmpada e de dentro dela sai um gênio. O gênio diz : “Eu só posso conceder três desejos, então, concederei um a cada um de vocês.” “Eu primeiro, eu primeiro.” grita um dos funcionários. “Eu quero estar nas Bahamas dirigindo um barco, sem ter nenhuma preocupação na vida: Puf e ele foi.
O outro funcionário se apressa a fazer o seu pedido:
“Eu quero estar no Havaí, com o amor da minha vida e um provimento interminável de piña-coladas” Puf, e ele se foi.
“Agora você”, diz o gênio para o gerente.
“Eu quero aqueles dois palhaços de volta ao escritório logo depois do almoço” – diz o gerente.

Moral da História: Deixe sempre o seu chefe falar primeiro.

Lição Nº 4

Um corvo está sentado numa árvore o dia inteiro sem fazer nada. Um pequeno coelho vê o corvo e pergunta:
“Eu posso sentar como você e não fazer nada o dia inteiro?” O corvo responde:
“Claro, porque não?”
O coelho senta no chão embaixo da árvore e relaxa. De repente uma raposa aparece e come o coelho.

Moral da História: Para ficar sentado sem fazer nada, você deve estar sentado bem no alto.

Lição Nº 5

Na África, todas as manhãs uma gazela acordava sabendo que ela deveria conseguir correr mais do que o leão se quisesse se manter viva. Todas as manhãs, o leão acordava sabendo que deveria correr mais do que a gazela se não quisesse morrer de fome.

Moral da História: Não faz diferença se você é gazela ou leão, quando o sol nascer você deve começar a correr.

é isso, por fernando stickel [ 20:12 ]

hula-hula


Longe dos efeitos nocivos do sol, a recém chegada nativa Rapa Nui, originária da Polônia, ensaia uns passos de hula-hula…

é isso, por fernando stickel [ 23:44 ]

fernanda torres


Fernanda Torres em “A Casa dos Budas Ditosos” de João Ubaldo Ribeiro, na Tom Brasil.
Ela está fantástica no monólogo de hora e meia, sem intervalo, vale a pena, é hilário. Eu já tinha lido o livro, mas a interpretação da Fernanda eleva o texto à potência máxima.

é isso, por fernando stickel [ 18:06 ]

protetor solar


É isso que dá esquecer de passar protetor solar nas canelas e sair andando por cerca de 4 horas num dia de céu azul, vento fresco…

é isso, por fernando stickel [ 18:15 ]

anakena


Sim, o paraíso é aqui. Na frente a Sandra com o nosso guia, Rodrigo. À direita o Ahu Nau Nau, onde quase todos os moais ainda estão com seus “chapéus”. A Baía Anakena e esta praia são lindos demais, o único local da ilha onde existem coqueiros.
PS: E não é que o Ricardo Lyra fez um belíssimo trabalho tratando minha imagem com emenda, transformando-a em “sem emenda”. Obrigado!

é isso, por fernando stickel [ 18:03 ]

milton machado

Me lembrava bem da obra mais antiga do Milton Machado, cujo trabalho sempre admirei, dentro de uma área próxima ao Waltercio Caldas,, utilizando em seus trabalhos palavras e conceitos com maestria e elegância cabalística.
Esta exposição do Milton Machado no Instituto Tomie Ohtake reavivou em mim, no entanto, a crítica que faço ao crescente uso da fotografia pelos artistas plásticos, que em sua grande maioria acabam DILUINDO seus trabalhos pelo uso desta técnica.
Faltou nesta exposição o “punch” no estômago, aquela sensação inequívoca de surpresa, prazer, curiosidade e, sobretudo, estranheza, que se obtém quando se está na frente de uma grande obra de arte, e que obtive nos trabalhos mais antigos do Milton, assim como venho obtendo na obra do Waltercio, por exemplo.
Não que eu seja contra a técnica. Já fui, mas não sou mais, e cito excelentes artistas plásticos trabalhando com fotografia:
Allan Sekula e Candida Höfer, artistas cujo trabalho conheci na Dokumenta 11, Axel Hütte, Caio Reisewitz, Rochelle Costi.
Fui à vernissage no ITO no dia 2/3/05, haviam poucas pessoas, talvez pelo fato do artista ser carioca, e o toque engraçado da exposição ficou por conta da presença contrastante de meia dúzia de intelectuais e 3 ou 4 senhoras finas que nadam de bóia na sociedade Harmonia de Tênis…

é isso, por fernando stickel [ 16:21 ]