aqui no aqui tem coisa encontram-se
coisas, coisas, coisas...
...desde janeiro de 2003

r. tucumã 141

Morei no final dos anos 70 em um delicioso prédio de três andares sobre pilotis na R. Tucumã 141, em frente à entrada principal do Clube Pinheiros. Lá nasceram meus dois filhos mais velhos, Fernanda em 1977 e Antonio em 1979.
Por pouco naquela época o condomínio não conseguiu destruir o maravilhoso painel da fachada do prédio, de autoria desconhecida.
Através de uma “Comissão de Obras” os arquitetos Tito Livio Fraschino e Helio de Maria Penteado, entre outros vizinhos, argumentavam que o painel era de “mau gosto” e queriam destrui-lo, substituindo a fachada por “brises”, que consideravam uma solução arquitetônica mais limpa e “elegante”.
Então pensei assim:

Que destruam tudo, mas não vão destruir o meu prédio!!!

Pedi para o meu amigo Joaquim cunha Bueno Marques fotografar o prédio, preparei um abaixo assinado com as fotos e fui à luta. De um total de 80 assinaturas que reuni, destacam-se as de:
Pietro Maria Bardi
João Batista Vilanova Artigas
Benedito Lima de Toledo
Wesley Duke Lee
Cesar Giobbi
Modesto Carvalhosa
Salvador Candia
Roberto Aflalo
Maureen Bisilliat
Carlos Alberto Fajardo
Paulo Mendes da Rocha
Julio Moreno
Após o assunto aparecer em destaque no Jornal da Tarde e no Bom Dia São Paulo da Rede Globo, em Outubro de 1978, nunca mais se falou no assunto, o condomínio e sua “Comissão de Obras” calaram-se sobre o assunto e o painel continua lá, firme, forte e lindo.
Hoje meu irmão Neco Stickel mora no prédio e continua zelando por sua integridade.

é isso, por fernando stickel [ 15:55 ]

16 comentários

Gi

dezembro 20th, 2003 at 2:12

que legal saber disso! eu sempre passo por lá e observo. Parece que a parede do prédio absorveu alguns melhores momentos do Clube Pinheiros!!! Espero que enquanto haja clube Pinheiros e Rua Tucumã, haja o “painel”!

Fer

dezembro 20th, 2003 at 15:34

mau gosto é querer destruir….é isso, Fernando! 🙂 bjus,

boczon

dezembro 20th, 2003 at 22:04

Evoé, que, pelo visto, teu olhar atento à urbe a tem preservado em imagens, palavras e atitudes.abraços

Fernando Cals

dezembro 21st, 2003 at 18:26

Oi, Stickel, Parabéns pela defesa do painel!!! Conheço bem a rua, linda principalmente sendo onde é, juntinho a Faria Lima! Quer dizer que entre os defensores da “faxina”, haviam dois coleguinhas?Ceus!!!Aproveito e desejo pra vc, familia, mulher, filharada, um maravilhoso Natal e que 2004 seja repleto de coidsas agradáveis!Forte abraço!Fernando Cals

lilia

dezembro 22nd, 2003 at 12:20

ola fernando, passei pra deixar um beijo com desejos de feliz tudo! to encerrando as vadiagens blogueiras deste ano. la vou eu no rumo do sol que arde na pele e do calor dos abracos. inte a volta!

jean boechat

dezembro 22nd, 2003 at 22:51

genial. adoro essa rua por motivos particulares, ali eu renasci pela primeira vez.e adoro esse painel. muito boa essa história, fernando. feliz natal proce e pra familia. espero que esse ano a gente possa se encontrar mais. =^)

aqui tem coisa » Arquivo » meus endereços

setembro 9th, 2007 at 17:17

[…] R. Martiniano de Carvalho R. Hans Nobiling – Ed. Hugo Eduardo R. Hans Nobiling – Ed. Jaguar R. Tucumã R. Sampaio Vidal R. Pinheiros R. Bela Cintra Washington Heights, NYC Clinton Street, NYC 18 St, NYC […]

aqui tem coisa » Arquivo » al. tietê

julho 30th, 2008 at 21:56

[…] R. Martiniano de Carvalho R. Hans Nobiling – Ed. Hugo Eduardo R. Hans Nobiling – Ed. Jaguar R. Tucumã R. Sampaio Vidal R. Pinheiros R. Bela Cintra 2234 Casa 3 165 West St. NYC 23 Clinton St. Ap. 4A […]

priscilla zuccolo

setembro 13th, 2010 at 19:05

parabéns pela iniciativa de manter o painel! minha cunhada tbem morou neste prédio e eu, como sócia do clube, o vejo sempre e admiro o fato dele permanecer lá, bem anos 60,é um prédio raro com aquele jardim na lateral, curto muito! vc não descobriu a autoria do mural?

fernando stickel

setembro 14th, 2010 at 9:31

Priscilla, na época procurei muito saber quem foi o autor do painel, e não consegui esta informação em nenhum lugar.
Até hoje tenho esta curiosidade…

Mario Vicente SAcconi

dezembro 20th, 2010 at 16:46

MUITO BEM, GOSTEI DA ATITUDE ARRETADA. PORRADA NELES!!!

Renata Cook

dezembro 20th, 2010 at 20:50

Bacana, Fernando.Passo aqui para deixar um abraço de Fim de ano para voces aí, de nós daqui. Bob e Renata

Claudia Heller

abril 15th, 2012 at 20:45

morei minha infancia toda neste predio, só hoje (ahril de 2014) é que soube dessa tentativa de destruir o painel. que bom que fracassou! parabéns pela iniciativa!

RONALDO MENCARINI

dezembro 25th, 2012 at 10:15

pois é Fernando ! aqui os dirigentes tem a mania de de$cartar o antigo, a historia…esse mesmo prédio, que eu também conheço, foi há pouco tempo atras, alvo da investida de um incorporador, que adquiriu uma unidade e queria comprar as demais, para demolir e construir um mega projeto em seu lugar. Foi brecado !

Taís

julho 9th, 2015 at 16:01

Vou morar lá!
Obrigada por guardar o painel de mosaico, que para mim é o maior charme.
Taís

fernando stickel

julho 29th, 2015 at 17:15

Taís, my pleasure!!

Deixe seu comentário