aqui no aqui tem coisa encontram-se
coisas, coisas, coisas...
...desde janeiro de 2003

3º setor

benvinda rubia!

rubia

A Fundação Stickel procurou, e encontrou sua nova colaboradora, Rubia Formaggi e Silva.
No cargo de Assessora de Relações Institucionais, será responsável por assessorar a diretoria na elaboraração, implantação e coordenação da política de Relações Institucionais da Fundação, visando sua divulgação institucional, relacionamento com stakeholders e captação de recursos. Deverá ainda estabelecer sólido relacionamento com a imprensa.
Benvinda Rubia!!

é isso, por fernando stickel [ 16:24 ]

fundação stickel procura profissional

procuro

Fundação Stickel procura:

Título do cargo:
Assessor de Relações Institucionais

Sumário do cargo:
O profissional será responsável por assessorar a diretoria na elaboraração, implantação e coordenação da política de Relações Institucionais da Fundação, visando sua divulgação institucional, relacionamento com stakeholders e captação de recursos. Deverá ainda estabelecer sólido relacionamento com a imprensa.

Subordinação:
Reporta-se ao Diretor Presidente.

Principais atribuições e responsabilidades:
– Gestão do relacionamento da instituição com seus stakeholders.
– Contatos com a imprensa.
– Redação, textos e releases, preparação de mala-direta.
– Elaboração de relatórios de atividades e relatório anual.
– Manutenção de redes sociais e site na internet.
– Elaboração de materiais de divulgação, folhetos, e-mails, vídeos, power-point.
– Manutenção e atualização de cadastro, nomes, endereços, e-mails, telefones.
– Suporte nas atividades de captação de recursos.
– Registro e manutenção da história da instituição.

Requisitos do cargo:
Alinhamento e comprometimento com a missão da Fundação Stickel.
Formação superior em relações públicas/jornalismo/administração/marketing ou outros cursos correlatos.
Vivência/experiência no Terceiro Setor.
Vivência/experiência em cultura e artes visuais.
Experiência anterior de três anos atuando na área de relações institucionais.
Boa comunicação interpessoal.

Conhecimentos específicos:
Sólidos conhecimentos de informática e navegação na internet e redes sociais.
Excelente redação em português.
Desejável inglês e espanhol fluente.

Competências:
Proatividade, iniciativa e ótima comunicação oral e escrita.
Organização, capacidade de estabelecer relacionamentos interpessoais e interinstitucionais
Capacidade de trabalho sob pressão, articulação de equipes, planejamento e cumprimento de prazos.
Capacidade de articulação, facilidade de trabalhar em grupo, visão e ação sistêmica e criativa.

Enviar currículo para miriam@fundacaostickel.org.br

(o Diretor Presidente em questão sou eu mesmo…)

é isso, por fernando stickel [ 14:48 ]

vera martins na fábrica de cultura

v3
Vera Martins e Rubens Morais, Superintendente da Fábrica

A Fundação Stickel está oferecendo a crianças e jovens da Fábrica de Cultura da Vila Nova Cachoeirinha a oficina da artista plástica Vera Martins “Pintura por Desconstrução”.

v4
Desfiando a tela, Vera a transforma em fios e eles, por sua vez, tornam-se chicote e pincel, impondo suas marcas, formas e nós que geram linhas em uma ação enérgica, corporal e vital.

v
As crianças chicoteiam uma das paredes externas da Fábrica.

v2

v5
A parede após a pintura.

v6
Outra parede em processo de pintura. Esta, após terminada, ficará em exposição.

v7
Vera e alguns de seus alunos.

é isso, por fernando stickel [ 18:22 ]

encontro investidores sociais

encontro
Marcos, o prazer foi meu!

é isso, por fernando stickel [ 14:49 ]

investidores sociais no recife

acorda
Convidado pelo IDIS – Instituto para o Desenvolvimento do Investimento Social estive ontem no Recife, para falar no Encontro de Investidores Sociais de Pernambuco, que conta com o apoio do Banco Interamericano de Desenvolvimento BID, Fundação Rockefeller, Charities Aid Foundation CAF, Instituto Ação Empresarial pela Cidadania, Instituto C&A e JBR Engenharia.

Restrito a convidados, o evento foi concebido para estimular a atuação de investidores sociais em nível local e proporcionar trocas de experiências entre esses atores.
Além disso, a iniciativa busca identificar potenciais doadores que, atuando em rede, se associem às prioridades e políticas públicas em benefício da sociedade pernambucana. Para isso, oferece um espaço exclusivo para trocas de experiências e ideias entre filantropos, visando o aprendizado e o fortalecimento do papel estratégico de investidores sociais no desenvolvimento da região em que atuam.

por que
Meu depoimento (emocionado…) foi sobre o tema “Por que sou um investidor social?”, e para responder a esta indagação contei a história da Fundação Stickel, e como me engajei em sua “ressuscitação” a partir de 2004.
Atrás de mim, na foto, o idealizador do encontro, Marcos Kisil.

oscar & fs
Meu parceiro de palestra foi o empresário textil Oscar Rache, que deu um depoimento emocionante sobre seu trabalho na criação e manutenção de uma escola. Foi interessante que tanto ele como eu tinhamos alguns pontos em comum, inclusive o fato de termos nos emocionado durante o depoimento, escondendo algumas lágrimas…

carta idis
Carta de Marcos Kisil.

é isso, por fernando stickel [ 18:58 ]

eduardo longo na fábrica de cultura

três
Estes três cavalheiros estiveram hoje de manhã na Fábrica de Cultura da Vila Nova Cachoeirinha, para pensar em uma operação conjunta. À esquerda na foto o arquiteto Eduardo Longo, no centro eu, à direita o arquiteto e desiner gráfico Marcelo Aflalo.

Trata-se de alinhavar um novo Projeto Contrapartida para a Fundação Stickel executar com sua parceira Fábrica.

De um lado a execução do livro “Sobre bolas e outros projetos” abordando a obra do Eduardo, conhecido como o arquiteto da “Casa Bola” da R. Amauri. O livro já tem design preliminar do Marcelo / Univers Design, e projeto inscrito e aprovado na Lei Rouanet.

De outro lado a Fundação Stickel como viabilizadora inicial do projeto do livro, recebendo em contrapartida do Eduardo um curso de arquitetura/vivência de espaços a ser ministrado na Fábrica de Cultura.

livro bola
O interessante disto tudo é que o Eduardo não é um arquiteto convencional, sua trajetória para chegar à “Casa Bola” minimalista, projetada e construida por ele, e onde mora há 30 anos, envolve profunda compreensão dos usos e costumes de uma residência, revendo o conceito de moradia como espaço essencial. Esta riquíssima vivência, e todas as histórias que a acompanham, poderá ser compartilhada com os moradores da Vila Nova Cachoeirinha, assim que nosso projeto frutificar.

é isso, por fernando stickel [ 18:28 ]

câmara escura / tavoletta

camara
Quase tudo que o ser humano é capaz de empreender começa com um desejo, um sonho. Logo em seguida vem um projeto, o sonho descrito em palavras, imagens, desenhos, dimensões, e a coisa começa a tomar formato no mundo real.

layus
No caso da Câmara Escura não foi diferente. Nosso parceiro, o fotógrafo Arnaldo Pappalardo começou a pensar/preparar sua exposição “TAVOLETTA” no Museu da Casa Brasileira há cerca de dois anos atrás.
A Fundação Stickel contratou a execução da Câmara Escura, que agora está exposta no jardim do museu.

camaraj

é isso, por fernando stickel [ 14:28 ]

foundation school

cafidis

fschool
Encontro hoje do CAF Foundation School, 2º Módulo Nacional, promovido pelo IDIS, com apoio do BNP Paribas.

Autonomia e sustentabilidade das Organizações da Sociedade Civil

Tenho participado destes encontros onde são debatidas questões do Terceiro Setor, e do desenvolvimento de suas instituições. A cada novo encontro adiciono mais uma gotinha de sabedoria a este difícil ofício. O desafio maior é mudar a mentalidade e a cultura brasileira, que não é propensa a colaborar com as instituições beneficentes, que operam sem fins lucrativos, como é o caso da Fundação Stickel.

andrea
A palestrante de hoje foi minha colega do MBA FIA-CEATS Andrea Travassos (de rosa), que contou sobre o desenvolvimento da instituição onde trabalha a 15 anos, Ipê – Instituto de Pesquisas Ecológicas.

é isso, por fernando stickel [ 16:54 ]

reunião do conselho fundação stickel

fds5
Final da tarde, os convidados já sairam, eu estou cansado e feliz. Feliz e cansado. Realizado.
Realizou-se hoje a primeira reunião ordinária do novo Conselho Curador da Fundação Stickel.
Seus membros, em ordem alfabética:

Antonio Di Ciommo Stickel
Antonio Florence
Fernanda Siriuba Stickel
Martha Diederichsen Stickel – Presidente
Sandra Pierzchalski

Como convidado, participou José Maria Monteiro Ribeiro, membro do Conselho Fiscal.

Aprovação de contas, relatório de atividades 2012, parecer do auditor e plano de trabalho 2013 foram os itens rotineiros.
Apresentei Power Point com detalhamento de vários itens, seguiram-se conversas, perguntas, esclarecimentos, sugestões, tudo como manda a boa prática de Governança.
Ufa!
Foram dez anos de trabalho para chegar até aqui. Está valendo a pena, a evolução é clara, a maturidade é concreta, as realizações palpáveis, e a aprovação do Conselho reconhecimento ao meu trabalho.
Por coincidência a carta de que trata o post abaixo chegou no mesmo dia da reunião. Alvíssaras!!

é isso, por fernando stickel [ 18:50 ]

apoio da poiesis

POIESIS
Acabo de receber carta da POESIS – Organização Social de Cultura, apoiando o projeto da Fundação Stickel de ampliar sua atuação para outras fábricas do Programa Fábricas de Cutura.

Este apoio é extremamente importante, pois com isso fica aberta a porta para o início de captação de recursos para a ampliação de suas atividades, alinhadas com políticas públicas da Secretaria de Estado da Cultura, e executadas em equipamentos da mesma Secretaria.

Obrigado ao Kluk, Rubens e Renzo, que encaminharam minha solicitação aos canais competentes.

é isso, por fernando stickel [ 14:50 ]

tavoletta no museu da casa brasileira

tavoletta

Fundação Stickel apoia mostra de fotografias “Tavoletta” de Arnaldo Pappalardo no Museu da Casa Brasileira
 
 A Fundação Stickel patrocina a exposição “Tavoletta”, com trabalhos do fotógrafo Arnaldo Pappalardo, professor de fotografia dos cursos promovidos pela entidade nos últimos anos. A mostra, reflete sobre o espaço e a temporalidade na fotografia de forma lúdica e interativa – uma câmara escura de grande proporção será instalada no jardim do museu para explicar princípios do registro de imagens.

“Na época do Renascimento Italiano, câmaras escuras eram muito utilizadas por pintores, pois permitiam desenhar perspectivas a partir da formação de imagens do mundo real em seu interior”, relembra Pappalardo. Em linhas gerais, a “tavoletta” utilizada pelo arquiteto renascentista Filippo Brunelleschi para comprovar os princípios da perspectiva, que dá nome à exposição, era uma prancha de madeira com orifício conjugada a um espelho. Já a série “Tavoletta”, composta por quatro fotografias, apresentada na sala principal do museu, propõe uma leitura lúdica deste dispositivo.

A maioria das imagens apresentadas pelo fotógrafo foram realizadas em São Paulo, unindo-se com outras registradas em locais como Itália, Chile e América do Norte. “Propondo uma leitura não linear, o conceito que está por trás do conjunto de obras apresentado, aparentemente caótico e fragmentado, pretende propiciar a cada visitante possibilidades próprias de edição e ordenação, criando algo novo e construindo conexões e relações”, conclui Pappalardo.

Abertura: Sábado, 10 Agosto das 11:00 às 14:00h
Local: Museu da Casa Brasileira – Av. Brig. Faria Lima, 2705, Jd. Paulistano, São Paulo SP
Período: 10 de agosto a 22 de setembro 2013
Horário: Terça a domingo, das 10 às 18h
Visitas orientadas: (11) 3032-2564 / agendamento@mcb.org.br
Mais informações: (11) 3032-3727

A mostra tem também patrocínio da Neogama e apoio do Ministério da Cultura – Lei Rouanet.

camera
No jardim do museu, a Fundação Stickel construiu a “Câmara Escura”, lá dentro o visitante terá sensações muito interessantes!!

camera obscura
Arnaldo Pappalardo e eu hoje no jardim do Museu da Casa Brasileira.

é isso, por fernando stickel [ 14:33 ]

um olhar s/ brasilândia 2012

um1
A Fábrica de Cultura da Vila Nova Cachoeirinha e a Fundação Stickel inauguraram no último sábado a exposição de fotografias “Um Olhar sobre a Brasilândia 2012″, com fotos dos alunos do curso gratuito ministrado por Arnaldo Pappalardo e Lucas Cruz em 2012.

um2
Arnaldo Pappalardo e sua família.

um3
Iris, Miriam, Glaucia, Anna, sem a dedicação de toda a equipe da Fundação Stickel a perfeição da mostra não seria possível! Obrigado a todos, Roberta, Marco, Adriana, Sidney, Angelita.

um4
A equipe da “Doces Talentos” vem fornecendo lanches e “coffee-breaks” a todos os nossos eventos, trata-se de uma história de sucesso, pois este Grupo de Geração de Renda foi incubado pela Fundação Stickel na Brasilândia e desde 2010 anda com suas próprias pernas!

um5
Kluk, da Diretoria da Poiesis, Organização Social (OS) responsável pela gestão da Fábrica, e Rubens, seu Superintendente.

um6
Os professores, Arnaldo e Lucas.

é isso, por fernando stickel [ 8:41 ]

fábrica de cultura

fabrica
Fábrica de Cultura da Vila Nova Cachoeirinha na zona norte de São Paulo, é um equipamento do Estado de São Paulo, gerenciado através de parceria entre a Secretaria de Estado da Cultura e a Poesis, Organização Social de Cultura.

é isso, por fernando stickel [ 16:53 ]

um olhar sobre a brasilândia

al1
A equipe da montagem da exposição de fotografias “Um Olhar sobre a Brasilândia 2012″, com fotos dos alunos do curso ministrado por Arnaldo Pappalardo e Lucas Cruz em 2012.
Da esq para a direita, eu, Lucas, Arnaldo, Roberta, Marco e Glaucia. A cada ano que passa ficamos mais afiados e focados, a montagem fica mais fácil e divertida, é algo que dá prazer a todos!

Abertura: Amanhã, sábado 15 Junho às 12:30h
Fábrica de Cultura da Vila Nova Cachoeirinha
Rua Franklin do Amaral 1281
Exposição ficará aberta de 15 de junho a 16 de agosto 2013
Terça a sexta-feira, das 9 às 17h / Sábados e domingos, das 12h30 às 17h

al2
A Fábrica de Cultura Vila Nova Cachoeirinha e a Fundação Stickel prepararam um novo espaço de exposição. Ainda não é aquele espaço ideal, fechado, mas já é um avanço em relação ao ano passado, pouco a pouco, com muita clareza e determinação chegaremos lá.
O chegar lá significa para mim poder levar à periferia de São Paulo qualquer tipo de exposição de artes visuais, com qualidade museográfica, o que envolverá segurança, iluminação, condições controladas de temperatura e umidade, etc…

Museografia
s.f. Conjunto de noções técnicas necessárias à apresentação e à boa conservação das obras e objetos do acervo dos museus (e galerias, centros culturais e quaiquer outros locais onde se expõe obras de arte)

é isso, por fernando stickel [ 9:31 ]

um olhar sobre a brasilândia

olhar20
A Fundação Stickel e a Fábrica de Cultura Vila Nova Cachoeirinha convidam para a abertura da exposição de fotografias “Um Olhar sobre a Brasilândia 2012”, com fotos dos alunos do curso ministrado por Arnaldo Pappalardo e Lucas Cruz em 2012.

Abertura: 15 Junho às 12:30h
Fábrica de Cultura da Vila Nova Cachoeirinha
Rua Franklin do Amaral 1281

Exposição ficará aberta de 15 de junho a 16 de agosto 2013
Terça a sexta-feira, das 9 às 17h / Sábados e domingos, das 12h30 às 17h

olhar2012
O catálogo acaba de ficar pronto, ficou lindo!

Veja aqui a cronologia completa do curso, que se iniciou em 2009.

é isso, por fernando stickel [ 16:31 ]

piano na fábrica de cultura

piano
A Fundação Stickel doou à Fábrica de Cultura Vila Nova Cachoeirinha um piano M. Schwartzmann, hoje fui visitá-lo, instalado e operante.
Na foto Rubens Morais, Superintendente, e Carol Duarte, professora de violino.
É um imenso prazer colocar coisas inativas em situações ativas, para o bem, é claro… A Carol contou que as crianças não tinham idéia que dentro do piano haviam cordas, e por conta disso deixou o piano aberto, para que elas observassem o funcionamento…

é isso, por fernando stickel [ 16:54 ]

apaa

apaa
Sou membro do Conselho de Administração da Associação Paulista dos Amigos da Arte – APAA, organização social de cultura, que administra o Teatro Sergio Cardoso, entre outros equipamentos e iniciativas da Secretaria do Estado da Cultura.
Supervisionei a criação do novo logotipo da APAA, desenvolvido pelos meus colegas Iris Di Ciommo e Carlos Perrone, que ficou, na minha opinião muito bom!!

é isso, por fernando stickel [ 16:38 ]

sandra pierzchalski diplomou-se!

sandra foundation school peq
Sandra Pierzchalski recebeu hoje em Oxford, Inglaterra, o diploma do curso “Foundation School” promovido pelo IDIS e CAF.
A conselheira da Fundação Stickel voltará recheada de informações valiosas, tenho certeza, pois o mesmo aconteceu comigo no ano de 2011, quando participei do mesmo curso na cidade de Bertinoro, na itália.

ten
Aulas, pessoas interessantíssimas, livros, apostilas, visitas a instituições, uma montanha de informações valiosas!

é isso, por fernando stickel [ 15:51 ]