aqui no aqui tem coisa encontram-se
coisas, coisas, coisas...
...desde janeiro de 2003

Arquivo: dezembro de 2020

fotos achadas


Fotos do final dos anos 70 encontradas pela Iris Di Ciommo, mãe da minha filha Fernanda, em primeiro plano na foto.
Na mesa, Mario Fiore de barba, Luiz Paulo Baravelli e Dudi Maia Rosa com cachimbo!

é isso, por fernando stickel [ 10:25 ]

sítio das figueiras


Nos anos 30 – 40 meu avô Ernesto Diederichsen tinha glebas de terra na Zona Sul de São Paulo, bairro de Rio Bonito.
O Sítio das Figueiras ficava às margens da represa Billings e abrigava a casa de veraneio da família, inserida em meio a gigantescas figueiras, daí o nome do sítio. A estrutura de lazer da casa incluía quadras de esporte e um enorme escorregador, alguns barcos também ficavam disponíveis para brincadeiras aquáticas.

A cerca de 400 metros da casa ficava a Colônia de Férias dos funcionários do grupo empresarial Diederichsen, que incluía indústrias têxteis, comércio de café, hotel e outras atividades. Meu avô era um visionário, e muitos anos antes de ser obrigatório por lei, ele já realizava trabalhos sociais beneficiando seus empregados, como creche, ambulatório, escola primária, cinema, biblioteca, etc… A Colônia de Férias era ampla, com acomodações para para os funcionários, salões de eventos, cozinha, restaurante, etc…

Na minha memória dos anos 50-60 a viagem da nossa casa até o sítio era bem longa, a entrada ficava a cerca de 30 quilômetros do centro de São Paulo a uma hora e tanto de viagem de carro.
Após passar pelo autódromo de Interlagos chegava-se à cidade Dutra, aí muitas vezes parava-se em uma padaria onde eram feitas as compras finais, mais um quilômetro de asfalto e entrava-se à esquerda em estrada de terra, mais um quilômetro e chegava-se ao portão de entrada do sítio, que abria para uma retilínea estrada em subida suave, cercada de casuarinas, à direita ficava o Sitio das Jabuticabeiras.

Ao final desta suave ladeira havia, à direita a entrada do Sítio das Jabuticabeiras, e também o terreno que muitos anos mais tarde seria doado pelos meus pais às Aldeias SOS.

Muitos anos mais tarde, o Sítio das Figueiras se transformou no SESC Interlagos.

é isso, por fernando stickel [ 13:24 ]

sandra & fernando

Há muitos anos que a Sandra minha mulher e eu fazemos uma parceria arquitetura/fotografia.
A documentação fotográfica e a divulgação dos trabalhos dela de arquitetura e decoração são feitas em grande parte por mim, ela prepara os ambientes e eu fotografo. Simples assim.
Aqui o resultado da decoração do jantar de Natal realizado ontem.

é isso, por fernando stickel [ 12:12 ]

justiceiro é o sutiã

sutia.jpg
“Justiceiro mesmo é o sutiã, que oprime os grandes, levanta os caídos, protege e disfarça os pequenos e atua, sem distinção política, na esquerda e na direita.”

é isso, por fernando stickel [ 16:00 ]

xico stockinger

Xico Stockinger (1919-2009), sua mãe Ethel, sua irmã Ivy e seu pai “Seu” Chico de paletó e gravata. A foto foi tomada no Umuarama.

O escultor austríaco naturalizado brasileiro Xico Stockinger era filho do “Seu” Chico, que administrou na segunda metade dos anos 30 a abertura da Fazenda Toriba do meu avô Ernesto Diederichsen em Campos do Jordão.

“Seu” Chico, no relato de minha mãe Martha, era extremamente habilidoso, abriu estradas, plantou árvores, e inclusive a ensinou a cavalgar! A irmã de Xico, Ivy, era aventureira e ficava em pé em cima dos cavalos! “Seu” Chico morava naquela época em uma pequena casa de madeira perto da horta, e lá havia um quadro com uma onça pintada!

Dona Ethel, inglesa, esposa do “Seu” Chico era a gerente do Umuarama, pensão e Colônia de Férias da Universidade Presbiteriana Mackenzie, onde a família Diederichsen se hospedou em sua primeira visita à Campos do Jordão.


Xico Stockinger em seu atelier em 2001.

é isso, por fernando stickel [ 13:47 ]

clássicos à venda!

Meu livro “Clássicos” está à venda por R$250,00!
Basta comentar neste post ou enviar um e-mail para fernando@stickel.com.br para combinarmos pagamento e entrega.

Fotografias e textos de Fernando Stickel
300 exemplares numerados e assinados
108 páginas
Impressão IPSIS
Design gráfico de Ekaterina Kholmogorova e Bia Matuck
Produção gráfica de Jairo da Rocha
Editora Madalena

é isso, por fernando stickel [ 9:09 ]

jimmy & bolt


Esta dupla de Jack Russell alegra a nossa vida e nossa casa há muitos anos! Jimmy e Bolt são parte jntegrante da família, só faltam falar!

é isso, por fernando stickel [ 20:07 ]

boi com eu, eu com boi


No meu estúdio da R. Ribeirão Claro na Vila Olímpia nos anos 80, com uma tela de José Carlos BOI Cezar Ferreira.
Obrigado pela foto Helena Brício!

é isso, por fernando stickel [ 7:40 ]

chuva de prata


Em 1954 com seis anos de idade, lembro de sair cedo de casa para o quintal de nossa casa na R. dos Franceses e encontrá-lo coberto de folhas de alumínio triangulares, brilhando ao sol e molhadas do orvalho.
Nas comemorações do Quarto Centenário de São Paulo, a Força Aérea Brasileira com seus aviões fez a Chuva de Prata sobre a cidade!


Lembro também da “Voluta Ascendente” escultura de Oscar Niemeyer no Parque do Ibirapuera. Meu pai comentou comigo na época que a Voluta não tinha condições técnicas de ficar de pé, o projeto seria falho. De fato, o troço caiu e não levantou mais…

é isso, por fernando stickel [ 11:59 ]

dia de doar

Hoje, 1 de Dezembro é o DIA DE DOAR! Seja generoso, doe a quem mais precisa, faça a diferença!

é isso, por fernando stickel [ 9:14 ]