aqui no aqui tem coisa encontram-se
coisas, coisas, coisas...
...desde janeiro de 2003

coisas

tio patinhas


Tio Patinhas

é isso, por fernando stickel [ 16:16 ]

menos atlético

Tenho sido menos atlético e mais “passeador”.
Ao invés de sair de casa com o objetivo de andar forte, seja no parque ou na esteira da academia do clube, objetivando o aumento dos batimentos cardíacos e seus benefícios cardiovasculares, etc…saio com a câmera na mão e faço longas caminhadas pelo bairro.
Estou conhecendo a Vila Olímpia casa por casa, oficina por oficina, fachada por fachada. Nesta fase de instabilidade lombar tem sido mais gratificante.

é isso, por fernando stickel [ 12:43 ]

dores lombares

Estou feliz.
Lentamente, muito lentamente vou sentindo melhoras nas minhas dores lombares. Quero crer que é por conta das aulas de Pilates, fornecendo uma consciência postural em tudo o que você faz no dia-a-dia. Hoje, por exemplo, acordei sem dor, fiz a aula e continuo sem dor, o que é excepcional!
Minha professora Giu Bergamo me proibiu, pelo menos por enquanto, de andar de bicicleta, então faço andando tudo o que fazia antes de bicicleta.
Só quem tem dores lombares crônicas, ou já passou por cirurgia hérnia de disco pode entender bem do que estou falando.

é isso, por fernando stickel [ 12:48 ]

shrek 2

O fim de semana se aproxima, e para quem tem filhos pequenos será uma prazeirosa obrigação levá-los à estréia do Shrek 2. Eu assisti com meu filho o primeiro Shrek pelo menos meia dúzia de vezes, e adorei todas, parece que o 2 é ainda melhor.
Enquanto espera a estréia tem um outro lugar para levar as crianças, rápido, bonito, simpático e interessante:
DESIGN POPULAR DA BAHIA, no Museu da Casa Brasileira. Vale a pena.

é isso, por fernando stickel [ 9:13 ]

não tá lindo?

…indagorinha… não tá lindo?

é isso, por fernando stickel [ 18:05 ]

micou em casa?

Você micou em casa hoje? Ficou esperando o teu Amor voltar da gravação de um comercial lá na pqp, e ela não chega nunca? Você já viu o Boris e o Jornal Nacional, fisgou a novela de esguelha, tomou uns dois ou três uísques, comeu umas torradas e nada dela?
Bom, às dez e tanto finalmente o celular funciona e ela, exausta e congelada te avisa: Vou pra casa dormir. That’s a fact. É justo, ela merece.
Aí você olha pela janela, neblina, frio, garoa, parece Campos do Jordão, ânimo para sair, nenhum, pedir algo pelo telefone, é entregar demais os pontos, então, à luta:
Abrir a geladeira e examinar as possibilidades: HHhhhmmm, arroz, uma ervilha que abri ontem, a metade daquela linguiça portuguesa, ovos…
Sim. Corto a linguiça em fatias, pico três bons dentes de alho e jogo tudo na frigideira ao fogo alto, enquanto isso num prato de sopa faço uma caminha de arroz branco com uma leve coberta de ervilhas e enfio no microondas. Quando os alhos douram jogo por cima um ovo e depois vai tudo pra cima da caminha de arroz.
Pronto! Mais um uísque e jantei magnificamente. Para a sobremesa pico uma maçã e uma banana, uma colher de mel por cima, polvilho com canela e novamente no microondas.
Pronto! Pra finalizar um forte café na Bialetti. Tudo isso em homenagem ao Alberto.

é isso, por fernando stickel [ 23:32 ]

polaroid do abbondio

Polaroid retratando o meu amigo Abbondio, segunda metade dos anos 80. Ao fundo, retrato deste que vos bloga executado por outro amigo e compadre, Cassio Michalany.

é isso, por fernando stickel [ 22:21 ]

batalha naval

Navegando por aí tropecei nesta imagem EXTREMAMENTE familiar: Batalha Naval, um dos jogos mais fantásticos para dias de chuva. Joguei muito, me deu saudade…

é isso, por fernando stickel [ 21:11 ]

as cinzas da socialite

De uma socialite de São Paulo:

Quando eu morrer, desejo ser cremada e que minhas cinzas sejam jogadas no Shopping Iguatemi. Assim, terei certeza que minhas filhas e netas irão sempre me visitar.

é isso, por fernando stickel [ 10:01 ]

pernas fortes

Pernas fortes ajudam a evitar dor nas costas…

é isso, por fernando stickel [ 9:57 ]

gibbles, ou gigi, ou…

De repente um ser que se assina Gibbles, ou Gigi, ou Gisela, e que tem entre 20 e 65 anos deixa vários comentários de uma vez só aqui no blog, curiosos, incisivos, sem dúvida espertos.
Tenho admiração por quem escreve coisas longas e interessantes, eu gostaria de saber escrever assim. Às vezes até tento, sem muito sucesso. Reconheço que sou um ser visual, eminentemente visual, levemente poético, e neste mesmo blog da Srta. ou Ms. ou Sra. não sei bem, Gigi, encontro esta dica maravilhosa do fotógrafo Agenor Gondim.

é isso, por fernando stickel [ 0:07 ]

andar da carruagem

O andar da carruagem…
Meu amigo Abbondio me envia esta foto, possivelmente de 1986 ou 87, tirada na casa de outro amigo, o designer Luciano Devia.
Com exceção do casal Luciano e Maga, todos os outros estão com novos parceiros.
Da esquerda para a direita, fila de cima: Eu, Ana Kawall, Magali Devia, Abbondio Barana, Anisio Campos, Nanci Valadares.
Fila de baixo: Alexandre Machado, Raquel, Renata Mellão, Luciano Devia, Eduardo Longo. A foto foi tirada provavelmente pela Iris Di Ciommo. A Raquel é a filha do Anisio e da Nanci.

é isso, por fernando stickel [ 17:25 ]

delicie-se!

Sabedoria culinária espanhola:
Observe bem o seu Amor preparar para você, ajude em tudo que ela pedir, abra o vinho, sirva-a, converse e antecipe o prazer que virá:
Frite umas batatas, coloque também uns cubinhos de bacon, quando estiverem quase prontas deposite dois ovos na fritura, espere mais alguns segundos, pesque tudo com uma escumadeira, deixe escorrer, deposite no prato, sal a gosto, e delicie-se!

é isso, por fernando stickel [ 15:15 ]

klaus foditsch


Esse cara aí na foto do Joaquim Marques foi meu amigo íntimo, sentávamos juntos nas carteiras duplas do primeiro ano primário no Colégio Visconde de Porto Seguro, na Praça Roosevelt.
Andamos de carrinho de rolemâ que ele construia ajudado pelo Seu Simon, pai dele, e pelo Hans (O Belo) irmão dele.
Destruimos bicicletas e tocamos punheta juntos no meio do mato. Roubamos o carro dos pais e pescamos juntos com meu avô Arthur Stickel na Ilha da Moela no Guarujá.
Construimos kart e andamos de moto, fizemos tudo que dois amigos adolescentes podem fazer juntos, inclusive traçar a primeira puta, eu no banco da frente e ele no banco de trás da perua DKW-Vemag Vemaguet de um também já falecido colega, Luis Antonio da Silva Telles. O Klaus morreu muito cedo, fruto de uma vida muito intensa, com muito sucesso e pouca sabedoria.
Saudades do Klaus Fridrich Foditsch.

é isso, por fernando stickel [ 19:09 ]

exército da salvação

Fazia muito tempo que eu não encontrava uma destas uniformizadas almas abnegadas que percorrem os restaurantes distribuindo santinhos, sorrisos e passagens nos elevadores do Exército da Salvação para ganhar o céu rápidamente. Desta vez foi no restaurante Guanabara, no Vale do Anhangabaú.

é isso, por fernando stickel [ 9:06 ]

hexenschuss

Em alemão: Hexenschuss
Em português: Golpe de vento
Em qq lingua: Proteja-se dos golpes de vento, eles podem matar! E se não matam, engordam!

é isso, por fernando stickel [ 17:57 ]

luz no fim do túnel

Parece que estou vendo a luz no fim do túnel. Crises em cima de crises de dor nas costas, sequelas das cirurgias de hérnia do disco, me lançaram num profundo mau humor e provocaram também ampla pesquisa de possíveis soluções.
Saio da minha segunda sessão de Pilates, método inventado pelo alemão Joseph Pilates, com a certeza de que esta é uma solução para o momento. O tempo dirá se estou certo.

é isso, por fernando stickel [ 11:39 ]

tempo ruim

Dezesseis e quarenta e dois da tarde de segunda-feira.
PUTA TEMPO FEIO!
Bastou minha gripe querer melhorar pro tempo imediatamente piorar.

é isso, por fernando stickel [ 16:43 ]